Cinco pessoas são baleadas na avenida Brasil e tiroteio gera pânico no Rio – 06/02/2019 – Cotidiano

0
44



Ao menos cinco pessoas foram baleadas durante uma troca de tiros na tarde desta quarta-feira (6) na avenida Brasil, uma das vias expressas mais importantes do Rio

Três policiais militares e dois motoristas que passavam pela região foram atingidos depois que os agentes abordaram um veículo e duas motos com homens suspeitos de participarem de um roubo de carga na área. 

Viaturas do 22º BPM (Maré) interceptaram o grupo na altura de Manguinhos, zona norte, próximo à entrada do prédio da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz). 

Os homens reagiram, dando início a um tiroteio com os PMs que levou pânico aos motoristas que passavam pela avenida. Os funcionário do centro de pesquisa federal tiveram que se jogar no chão dentro do refeitório do almoço.

Confrontos entre as forças policiais e criminosos que dominam favelas que ficam nas margens das vias expressas têm sido comuns no Rio. Os roubos de carga nessas áreas também levam preocupação a quem precisa passar nesses locais.

Motoristas tentam evitar passar na avenida Brasil, Linha Vermelha e na Linha Amarela à noite ou muito cedo pela manhã temendo assaltos ou confrontos. 

O tiroteio desta tarde, contudo, ocorreu por volta das 12h30. A cena repetiu o roteiro de outras situações do tipo no Rio. 

A via ficou fechada enquanto motoristas tentavam dar a ré ou fugir na contramão. Algumas pessoas se desesperaram no momento em que não conseguiram se deslocar por causa do trânsito engarrafado no meio do tiroteio. 

Muitos condutores abandonaram seus veículos e se jogaram no chão. Rastejando, alguns se colocaram atrás dos carros. Outros conseguiram chegar à mureta de concreto que divide as vias para buscar proteção proteção contra o confronto que durou quase 10 minutos. 

Em vídeos publicados nas redes sociais é possível ver motoristas se esgueirando pelo asfalto da avenida ao som de rajadas de fuzil. 

O motorista de um caminhão de carga que passava pelo local foi ferido no tórax e na perna. Ele foi levado para o hospital municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador, zona norte. Seu estado de saúde não foi divulgado até a conclusão dessa reportagem. 

Um médico que também passava no local foi atingido de raspão na cabeça. Ele foi levado ao Hospital Central do Exército em Benfica, zona norte. Seu estado de saúde também não foi informado ainda. 

Policiais do Batalhão de Choque que passavam pela via no momento da ocorrência se engajaram no tiroteio entre os criminosos e os PMs do batalhão da Maré. Três agentes do Choque foram feridos na troca de tiros, dois dos quais estariam fora de perigo. O terceiro policial foi atingido por estilhaços no olho e permanece internado. A PM não divulgou o nome dos agentes. 

De acordo com a polícia, os criminosos fugiram. Não se sabe ainda se a fuga se deu a pé ou em outros veículos. Pelo menos um carro usado pelo grupo foi apreendido. Ninguém foi preso. 





Fonte: https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2019/02/cinco-pessoas-sao-baleadas-na-avenida-brasil-e-tiroteio-gera-panico-no-rio.shtml