Programa Rio + Seguro reforça policiamento no campus da UFRJ no Fundão a partir desta sexta-feira | Rio de Janeiro

0
100



O Programa Rio + Seguro reforça, a partir desta sexta-feira (7), o policiamento no campus do Fundão, na Ilha do Governador. A iniciativa foi tomada porque a sensação de insegurança no campus da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) é grande.

No ano passado, um casal de professores foi sequestrado dentro do campus. Eles contaram que ficaram sob a mira da arma dos bandidos o tempo todo. Em setembro, 8 criminosos explodiram caixas eletrônicos durante a madrugada.

Inicialmente o programa funcionará das 6h até meia-noite, de segunda a sexta-feira, e das 6h às 18h, aos sábados. Reforço no policiamento será feito a partir de uma parceria entre a Polícia Militar e a Guarda Municipal.

O programa, resultado de uma parceria entre a prefeitura do Rio de Janeiro e Governo do Estado, tem o objetivo de dar mais segurança ao local, considerado perigoso por estudantes e funcionários e muita gente que frequenta a região.

Segundo levantamento do vereador Marcelo Arar (PTB), idealizador do projeto e que intermediou a implantação do programa no Fundão, o campus possui 75 mil alunos, 10 mil técnicos administrativos e 4 mil professores. Uma população total de cerca de 120 mil pessoas, incluindo os parceiros lotados diretamente ou indiretamente no campus.

Ainda segundo dados do vereador, para atender a população da cidade universitária e aumentar a segurança na região, será empenhado o efetivo de 13 policiais militares e 10 guardas municipais, além de três veículos a serviço do programa.

De acordo com informações da prefeitura da Cidade Universitária, os dados de violência na região são subnotificados, porque na maioria das vezes as vítimas não procuram a segurança do campus para registrar o caso.

Além disso, quando os casos são registrados na 37ª DP (Ilha do Governador), os casos não entram numa estatística específica do Fundão, entram no total de ocorrência do bairro.

O Projeto Rio Mais Seguro foi implantado em dezembro de 2017 e começou pelo bairro de Copacabana e leme. O Fundão é a segunda região do Rio a se beneficiar pelo projeto.





Fonte: https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/2019/06/07/programa-rio-seguro-reforca-policiamento-no-campus-da-ufrj-no-fundao-a-partir-desta-sexta-feira.ghtml