COMPARTILHEM – Dicas de como reduzir o consumo de energia elétrica – controlpred

0
191
Dicas de como reduzir o consumo de energia elétrica:
> Utilize sempre que possível iluminação natural, abrindo janelas, cortinas e persianas em ambientes como hall social, sala de visitas, salão de festas, salão de jogos etc.;
> Instrua os empregados do prédio a desligarem as lâmpadas de ambientes não ocupados, salvo aquelas que contribuem para a segurança;
> Limpe regularmente paredes, janelas, pisos e forros. Uma superfície limpa reflete melhor a luz, o que permite manter em nível menos intenso a iluminação artificial;

> Limpe regularmente as luminárias, lâmpadas e demais aparelhos de iluminação. A sujeira acumulada reduz a iluminação;

> Substitua, se possível, os difusores transparentes amarelecidos ou opacos por difusores de acrílico claro, com boas propriedades contra amarelecimento, pois eles permitirão melhor distribuição de luz;
> Substitua luminárias antiquadas ou quebradas por iluminarias mais eficientes, de fácil limpeza e, de preferência, com lâmpadas expostas, as quais poderão ser de menor potência;
> Quando o fator estético não tiver importância, retire o acrílico e o globo que absorvem grande parte do fluxo luminoso. Você poderá assim utilizar lâmpadas de menor potência;
> Não use lâmpadas incandescentes de bulbo fosco dentro de globos. É preferível utilizar lâmpadas com bulbo transparente. As lâmpadas de bulbo fosco foram criadas para minimizar o efeito ofuscante e apresentarem uma luz confortável, suave e difusa, mas também absorvem uma parte de luz emitida pelo filamento;
> Como o globo elimina o ofuscamento, o uso de lâmpadas de bulbo fosco acarretará menor iluminação e poderá exigir lâmpadas de maior potência;
> No hall social, na entrada e na marquise do seu prédio, a instalação de lâmpadas incandescentes embutidas no teto é péssima solução do ponto de vista da utilização de energia. A eficiência do conjunto torna-se muito reduzida, o aquecimento é excessivo e a vida útil da lâmpada também se reduz por falta da ventilação adequada. Sugerimos rebaixar a lâmpada e reduzir sua potência ou usar lâmpadas refletoras de menor potência;
> As lâmpadas de 100 watts podem ser substituídas por lâmpadas de 40 ou 60 watts, o que proporcionará uma redução de 40% a 60% no consumo de energia elétrica, desde que de acordo com as recomendações do PPRA;
> Nos corredores, no hall social e nas escadas verifique a possibilidade de substituir as lâmpadas incandescentes por fluorescentes compactas;
> Refaça, se possível, a instalação dos círculos de interruptores para permitir o desligamento parcial de lâmpadas em desuso ou desnecessárias;
> Em locais onde houver muitas lâmpadas acesas, verifique a possibilidade de desligamento alternado;
> Se houver na garagem luminárias fluorescentes comandadas em grupo, estude a possibilidade de instalar interruptores individuais comuns ou do tipo pêra; eles permitirão o desligamento parcial de determinadas lâmpadas, evitando-se a iluminação plena todo o tempo;
> Nas garagens procure iluminar somente as áreas de circulação de veículos e não diretamente os boxes;
> Ao desativar uma ou mais lâmpadas fluorescentes, não esqueça de desligar também o reator, caso contrário, ele continuará consumindo energia elétrica, reduzindo-se a sua vida útil;
> Rebaixe as luminárias instaladas entre as vigas do teto e da garagem. Com isto, aumentará a intensidade da iluminação, podendo inclusive reduzir o número de lâmpadas;
> Onde possível use uma única lâmpada de maior potência no lugar de várias lâmpadas de menor potência. As de maior potência são em geral mais eficientes que as de potências menor;
> Ao fazer uma reforma no prédio, evite cores escuras nas paredes dos halls dos elevadores, escadas e corredores, pois exigem lâmpadas mais fortes, com maior consumo de energia elétrica;
> Em áreas externas (jardins, estacionamentos, áreas de lazer etc) estude a possibilidade de substituir as lâmpadas existentes por a vapor de sódio à alta pressão que fornecem mais luz com menor consumo de energia elétrica;
> Utilize somente lâmpadas de voltagem compatível com a voltagem da rede da concessionária;
> Utilize criteriosamente os elevadores;
> Desligue um dos elevadores no período noturno caso a edificação possua mais de um elevador, desde que não prejudique os moradores e esteja dentro da sugestão ou orientação do fabricante e/ou da empresa encarregada da manutenção.
Fonte:http://www.controlpred.com.br/nossomanual.pdf
APOIO:  CEBRAC – Unidade Ilha do Governador
A mais completa escola de cursos do País!!
Tel. (21) 3396-8638